Hot News MD
terça-feira, 3 de agosto de 2010

Composição Coreográfica - Parte 3

Vamos hoje dar andamento em nossos estudos sobre Composição Coreográfica, colocando o terceiro elemento necessário para que se realize um conjunto completo do espetáculo coreográfico da dança.
Como sempre costumo dizer, não deixem de comentar o artigo para que possamos engrandecer de maneira muito saudável este tema tão fascinante do MUNDO DA DANÇA.

Gostaria de sitar aqui mais uma vez a importância da pesquisa. Para elaboração desta série de postagens usei um material de pesquisa onde algumas partes foram tiradas de um trabalho acadêmico, cujo os autores são: Marlini D. Lima (Mestre- Unochapecó) e Elenor Kunz (Doutor- UFSC).

Com a complementação de outras partes por mim mesmo o autor deste blog.

Sigam o Mundo da Dança no Twitter: @mundo_danca


Faça também uma leitura complementar de outros artigos que tratam desse tema com outros elementos necessários para a Composição Coregráfica.


O Elemento: Técnica

"O decisivo da técnica não reside, no fazer e manusear, nem na aplicação de meios mas no descobrimento."
(Heidegger ,2002,p.18)
A dança traz como um de seus elementos a questão da técnica, entretanto se faz necessário explorar tal elemento, a fim de ampliar suas possibilidades e vislumbrar problemáticas e equívocos que cercam a experiência e o ensino da dança.

Na história da humanidade a técnica representa um fenômeno dinâmico e presente praticamente em todos os domínios da vida, na dança apresenta-se enquanto um elemento que em certa medida acaba se sobrepondo a experiência estética, remetendo-nos a um conceito e uso reducionista e vulgar desse elemento.

Para Mauss (apud Saraiva Kunz et all, 2005,p.120) “(...) o primeiro e mais natural objeto técnico, ao mesmo tempo meio técnico do homem é seu corpo”.

No entanto, na dança ainda se observa a compreensão de que a técnica refere-se a um meio para se chegar a um determinado fim, um modo de controle do saber fazer em detrimento de uma obra final, como bem exemplifica Heller (2003, p.100) “... movo meu corpo de uma forma tal e qual para que o público veja uma determinada expressão em meu corpo”.

Segundo o mesmo autor nesse agir, onde a técnica está a serviço de uma representação de um movimento, reina a instrumentalidade e o princípio de causalidade “. Outra questão a ser discutida está no esvaziamento da expressão “técnica”, que não guarda mais o mesmo significado da arte, da techne.

Hoje quando se fala em técnica do corpo que dança, refere-se ao controle e eficiência de seus movimentos; voltado à ação mecânica que leva a uma relação de causa e efeito.

Os autores acima citados querem dizer que, mesmo se dominando a técnica de determinado estilo de dança isso não traz garantias de um trabalho bom de composição coreográfica.

Se mais uma vez não fizermos um casamento perfeito entre o movimento e a expressividade, somando-se a técnica. Não conseguiremos elaborar de forma definitiva a Composição Coreográfica.

O que significa a palavra "Técnica"


Técnica deriva do grego Techné, o fazer artístico, Conforme Abbagnano (1999) o significado mais antigo desse termo indica que o sentido geral da mesma coincide com o sentido geral de arte, compreendendo qualquer conjunto de regras apto a dirigir eficazmente uma atividade qualquer. Significando também criar, produzir, artifício, engenhosidade, habilidade.

Segundo Fensterseifer in Fensterseifer e González (2005), para os gregos a noção de técnica significava o conjunto teórico-pratico das técnicas intelectuais, corporais e fabris, neste sentido, o entendimento de técnica possibilitava uma dimensão “desveladora”, que acompanhava também os contornos da “physis” a qual compreende a noção de totalidade orgânica que abarcava a “unidade- indivisivel- indissoluvel- de todas-as-coisas-de todas as dimensões e aspectos” (p.396).

Não podemos desconsiderar o terceiro elemento: A Técnica, por se tratar de fundamental importância para elaboração do movimento de forma livre e centrada no objeto: Corpo. Mas temos que somá-lo a todos os outros elementos, para se ter  um conjunto que se completa como um todo.

author

Sobre o Autor:

Roger Dance é dançarino, coreógrafo e blogueiro. Estudioso dessa arte pretende dividir seu conhecimento, pesquisas e informações com todos os amantes da Dança. Saiba mais sobre o Autor. Siga no Twitter: @mundo_danca

Assine e receba nossos posts em seu e-mail!

E-book Dança Gospel - Mundo da Dança está lançando seu primeiro E-book - Dança Gospel - COMPRE SEU EXEMPLAR AQUI ** Tudo o que precisa saber para Dançar, Louvar e Evangelizar !!! **Leia a matéria de lançamento: Clique aqui.
Faça uma Doação ao Mundo da Dança - Saiba como e ainda ganhe um Brinde!
Item Reviewed: Composição Coreográfica - Parte 3 Rating: 5 Reviewed By: Roger Dance