Hot News MD
quinta-feira, 23 de julho de 2015

#FESTIVAL - Festival de Danças Urbanas da Cia Fusion

Meraki_Cia. Fusion_Por Fernanda Abdo

Festival gratuito da Cia. Fusion de Danças Urbanas reúne performances, batalhas de improviso e workshops

Projeção e profissionalização de outros grupos e artistas mineiros são o foco dos eventos

Em atuação há mais de dez anos, depois da montagem e circulação de cinco espetáculos, a Cia. Fusion de Danças Urbanas apresenta um novo projeto. O grupo criou o Festival Orbe: Cia. Fusion Convida, que estreia em agosto, abrindo espaço para o incentivo a outros artistas e companhias do estado. Os eventos, gratuitos e livres para todas as idades, contemplam Centros Culturais de quatro regionais diferentes de Belo Horizonte. O público pode conferir apresentações, oficinas e batalhas de dança. O vencedor de cada uma delas ganha um prêmio em dinheiro, com o objetivo de estimular a área e contribuir para a profissionalização de novos artistas.

A estreia do festival é no dia 1 de agosto, às 13h, no Centro Cultural Padre Eustáquio. Além da apresentação da Cia. Fusion de Danças, a programação inclui performances de grupos como a Cia. dos Anjos e os workshops “Hip Hop Dance” e “House Dance”. Os estilos musicais Rap, House e Breakbeat dão o tom para as batalhas de improviso da primeira edição: a categoria “All Styles”, como o nome indica, permite que os participantes mostrem diversas vertentes da dança de rua para se destacarem na competição.

Sigam o Mundo da Dança no Twitter: @mundo_danca


​A segunda edição do Festival Orbe é no Centro Cultural Urucuia, que fica na regional Barreiro. Os eventos seguintes são nos Centros Culturais Vila Marçola, localizado no Aglomerado da Serra, e São Geraldo, da regional leste. O projeto conta com o patrocínio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte, por meio de aprovação no edital Descentra Cultura.

Além de promover o festival, a Cia. Fusion de Danças Urbanas está em circulação com seu novo espetáculo, que passa também por Centros Culturais e já tem data marcada na Casa do Baile, dia 12 de setembro. O nome da apresentação, que estreou em 2015, é “Primeira à esquerda, segunda à direita”. O trabalho foi pensado para espaços alternativos, tendo como base experimentações do grupo.

Batalhas e apresentações

As competições de dança caminham junto com a história do hip hop e são realizadas no mundo inteiro. Ao trazer a ideia para o Festival Orbe, a Cia. Fusion pensou em um projeto que se diferenciasse de grande parte dos eventos de dança do Brasil. O grupo observou que são procedimentos usuais as cobranças de taxa de inscrição para batalhas e o custeio das viagens por conta dos próprios artistas. Outro fator considerado é que grande parte dos grupos convidados para se apresentar nessas ocasiões não recebem pagamento. Dessa forma, ao invés de ganhar um retorno financeiro por seu trabalho, esses participantes acabam gastando para integrar a programação dos encontros.

A companhia, então, já que conta com o patrocínio do Fundo Municipal de Cultura, optou pela democratização ao oferecer inscrições gratuitas para as batalhas e, além disso, por condecorar os vencedores com a premiação em dinheiro. A quantia destinada a cada um deles é 250 reais. O projeto também inclui cachês para o caso das performances. A proposta é contribuir para o desenvolvimento do trabalho desses artistas, para sua profissionalização e reconhecimento no mercado.

História

A Cia. Fusion de Danças Urbanas surgiu em 2002 a partir da reunião de amigos que gostavam de dançar. O hobby foi ganhando cada vez maior importância, e o interesse pela pesquisa, discussão e divulgação da dança de rua cresceu o suficiente para que o grupo se profissionalizasse e passasse a propor novas formas de se produzir essa modalidade artística.

A companhia, além de viver a cultura urbana, busca mostrar essa cultura (às vezes restrita a públicos específicos) para o mundo, aproximando-a de conceitos variados e de outras artes. Assim, as possibilidades expressivas são ampliadas.

O primeiro espetáculo é “Som”, de 2009, cuja ideia foi desconstruir a dominação da música sobre o movimento – recorrente no cenário do hip hop –, propondo uma dança que não fosse submissa à batida, mas que dialogasse com ela.

O segundo trabalho é “Matéria Prima”, de 2012, que dá continuidade à reflexão da obra anterior, acrescentando questionamentos acerca da dança e das motivações que levam as pessoas a praticá-la. O espetáculo rendeu à companhia a aprovação pelo V Prêmio Cena Minas para uma turnê por quatro cidades mineiras.

Em fevereiro de 2013, a Cia. Fusion lançou seu terceiro espetáculo, “Meráki”, fruto do amadurecimento artístico da companhia e de um aprofundamento na pesquisa das possibilidades expressivas das danças urbanas. “Meráki” realiza uma integração entre dança, música e fotografia.



Já em 2014 estreou “Quando Efé”, que realiza uma associação da cultura mineira com o hip hop. No mesmo ano, circulou por seis cidades mineiras, além de ter integrado a programação do Verão Arte Contemporânea 2015 e de continuar acontecendo pelo Brasil. Nesta sexta, dia 24 de julho, a companhia apresenta “Quando Efé” no Festival de Inverno de Bragança Paulista.

O grupo já participou de diversos eventos pelo país. Na capital mineira, integrou a programação do Verão Arte Contemporânea (em 2010, 2012, 2013 e 2015) e o Festival de Arte Negra – FAN (em 2012 e 2013), além de ter passado por diferentes regiões da cidade por meio do Edital Cena Música, da Prefeitura de Belo Horizonte (2013). No interior do estado, são exemplos o Festival de Inverno de Itabira (2012) e o Festival de Inverno da UFMG (2013). O grupo também já levou seu trabalho para São Paulo e para o Vivadança Festival Internacional 2014, pelo qual se apresentou em três cidades: Salvador, Vitória e Belo Horizonte.

Em 2014, a Cia. Fusion de Danças Urbanas venceu o Prêmio Brasil Criativo na categoria Dança. O grupo esteve entre os 1.029 inscritos nas 22 categorias da premiação, que condecorou os ganhadores com um prêmio em dinheiro e um curso de capacitação. De Minas Gerais, apenas dois inscritos venceram: além da Cia. Fusion de Danças Urbanas, a outra representante do estado foi a Escola Criativa em Arte e Tecnologia de Belo Horizonte.

Serviço

Estreia do Festival Orbe: Cia. Fusion Convida
Local: Centro Cultural Padre Eustáquio – Rua Jacutinga, 821, Padre Eustáquio
Horário: 13h
Entrada gratuita
Classificação livre

Informações: http://www.ciafusion.com/



author

Sobre o Autor:

Roger Dance é dançarino, coreógrafo e blogueiro. Estudioso dessa arte pretende dividir seu conhecimento, pesquisas e informações com todos os amantes da Dança. Saiba mais sobre o Autor. Siga no Twitter: @mundo_danca

Assine e receba nossos posts em seu e-mail!

E-book Dança Gospel - Mundo da Dança está lançando seu primeiro E-book - Dança Gospel - COMPRE SEU EXEMPLAR AQUI ** Tudo o que precisa saber para Dançar, Louvar e Evangelizar !!! **Leia a matéria de lançamento: Clique aqui.
Faça uma Doação ao Mundo da Dança - Saiba como e ainda ganhe um Brinde!
Item Reviewed: #FESTIVAL - Festival de Danças Urbanas da Cia Fusion Rating: 5 Reviewed By: Roger Dance