Os segredos do porquê dançar Tango faz bem para o corpo e a alma


Assim como todas as danças trazem muitos segredos de benefícios para a saúde do corpo, mente e espírito, dançar Tango pode ajudar na concentração, melhorar a capacidade de trabalhar em grupo e o sentido de equilíbrio, além de possibilitar conhecer e socializar-se com outras pessoas.

O Tango Argentino é como uma energia natural, revigorante! Aumenta a paixão e a criatividade, unindo pessoas de idades e culturas diferentes, inspirando novos romances e diminuindo a ansiedade.


Mundo da Dança nas Redes - Facebook | Twitter | Instagram | Youtube



As pessoas que dançam Tango libertam energia na forma de auto-confiança, exercitando sua capacidade de organização e criatividade. Ao dançar tango, podemos expressar nossos sentimentos; podemos também usar o Tango como uma ferramenta para melhor comunicar esses sentimentos com nosso parceiro.

O Tango é uma atividade física, podendo assim ajudá-lo a ter um coração saudável e a prevenir as doenças cardiovasculares.

Cria emoções positivas

O tango é uma atividade física que está relacionada com emoções positivas, produz abordagem social, diminuição dos processos de ansiedade e angústia e também estimulação cerebral por meio da música.

O valor do abraço

A concentração no abraço do casal pode alcançar uma redução do estresse mental. Em contato físico, os bailarinos se encontram com o outro e uma vez que exercitam seus movimentos de maneira integral possibilitam melhorar a mecânica de seus próprios movimentos.

O poder do anti-stress

Libera o praticante de tensões mentais ou emocionais motivada pelas preocupações ou antipatias.

Combate o sedentarismo

Tonifica os músculos das pernas e braços. Melhora a circulação do sangue.

Dança terapêutica

A música e a dança, embora elas próprias não sejam um medicamento, quando combinadas com outros mercados terapêuticos podem se tornar fortes agentes capazes de apoiar e acelerar o processo de cura.

Maior força e equilíbrio

Dançar tango proporciona um equilíbrio e sincronização de movimentos. Isso melhora a força do “core” proporcionando maior estrutura e qualidade nos movimentos corporais.

Melhora a postura corporal

Aumenta a mobilidade global e exercício das articulações, uma vez que para a dança é preciso ter consciência do seu próprio eixo e do eixo do seu par.

Ajuda na prevenção e no tratamento de doenças

Tais como:
Diabetes, Hipertensão Arterial, Osteoporose, Obesidade, Celulite, Artrose e Transtornos traumáticos, neurológicas, cardiovasculares e muitos outros.

Libera hormônios

Ao dançar tango, devido ao abraço, segregamos diversos hormônios, como no caso da ocitocina, envolvida na prevenção de doença cardíaca, na diminuição da pressão arterial e provoca uma sensação de felicidade.

Mantem as artérias saudáveis

O “Milonguear” atua sobre as artérias protegendo o endotélio, que é a camada de células que as rodeia por dentro e que quando fica inflamada gera todo o processo de arterosclerose.

Aumenta a coordenação

A dança ajuda a conseguir uma maior coordenação para executar movimentos finos, habilidade que pessoas de idade avançada vão perdendo e que, por meio do tango, pode melhorar e garantir maior segurança.

É uma vacina contra as doenças:

Na medida em que promove a atividade física, gera alegria e combate os fatores de risco de doenças cardiovasculares.

Blog Danzarin | Fonte: Pesquisa em vários canais como blog, matérias, reportagens de tango, ciência e médicas sobre o benefício do tango pelo mundo.


Compartilhe Google Plus

Sobre Roger Dance

É dançarino, coreógrafo e blogueiro. Autoditada e estudioso dessa arte, pretende dividir seu conhecimento, pesquisas e informações com todos os amantes do Mundo da Dança. Saiba mais sobre o Autor.