Como EMPREENDER na DANÇA - As melhores 05 DICAS


5 DICAS para se tornar um(a) empreendedor(a) sucesso na dança.

Dando continuidade a nossa Série: Como se tornar um Profissional de Dança. Quero começar perguntado se leu a primeira postagem de nossa série e tem conhecimento das etapas importantes na sua decisão de abrir uma escola de dança, certo?

Já pensou no planejamento de onde será seu estúdio de dança, como será, qual a decoração e que modalidades de dança irá ensinar? Qual o valor da mensalidade? Já desenvolveu a identidade visual ou logomarca?

Todas estes itens acima são decisões importantes no seu processo de se tornar um(a) empreendedor(a) na dança.

No entanto, independente do momento em que você está, é importante ter algumas informações que a tornarão mais segura da sua decisão de transformar a dança em um negócio lucrativo!

Mais de um estudo e pesquisa já asseguraram: empreendedoras de sucesso compartilham de algumas características únicas. E isto não é diferente no universo do empreendedorismo na dança. São estas características aquelas responsáveis por projetá-la à frente, tornando-a uma figura de destaque no seu campo de atuação. Ou seja: tornando-se uma referência no universo da dança do ventre!

O que acontece é que estas características, em sua maioria, não são dons extraordinários, mas sim disciplinas que podem ser facilmente adicionadas à sua rotina diária rumo ao sucesso. É um bem-vindo balde de água fria em doutrinas mais ligadas a fatores místicos, que defendiam que todo empreendedor já nascia um empreendedor. Não tenha dúvidas: as características de uma empreendedora de sucesso podem ser adquiridas por você, com a capacitação e o desejo adequados.

Eis aqui algumas dicas reunidas para fazer de você uma empreendedora de sucesso no mundo da dança:

1.Tenha iniciativa


Busque constante oportunidades de negócios. Tome a dianteira. Posicione-se perante possibilidades, sem ficar esperando que um grande negócio caia do céu, e no seu colo. Qual a carência da sua região? O que sua escola de dança pode ter de diferencial? Isto se chama buscar um oceano azul, destacar-se mesmo se houver concorrentes à sua volta. Tendo um radar de atenção para o que acontece no mercado em que você está inserida, naturalmente você se dará conta de grandes negócios precisando de alguém entusiasmado pelo sucesso, como você.

2.Persevere


Dificuldade existe em todas as esferas das relações humanas: familiares, financeiras, e, claro, nos negócios. Então não leve para o pessoal, como se acontecesse só com você. Encare as dificuldades de sempre, ainda mais considerando o fato de que você está começando. Elas tornarão você mais experiente. Clichê? Sim, mas verdadeiro.

3. Mantenha a coragem


Quem descobre grandes oportunidades para se tornar um empreendedor de sucesso está sempre dispostos a correr riscos. Se foi assim com os grandes, porque não seria com você? Ou você acha que quando Steve Jobs quis encarar a gigante IBM com o seu conceito de computador pessoal, não correu todos os riscos de rejeição possíveis? Mas saiba: correr riscos é diferente de correr perigo. E quando você está informado sobre o terreno em que está pisando, o seu risco é totalmente calculado.

4. Planeje, planeje, planeje


Saiba de onde veio, onde está e para onde você vai. Isto é planejamento. E só quando tudo está na ponta do lápis é que você consegue chegar neste estágio. Requer organização e disciplina, mas os resultados são evidentes. Crie planos de ação e os priorize no seu negócio. Converse com outras profissionais que já têm escolas de dança. Descubra quais são as modalidades que seriam do interesse dos moradores da região onde você quer colocar a sua escola. Saiba muito bem qual o próximo passo, antes que seu adversário o faça.

5. Não ignore tudo que parece bom demais para ser verdade


Não é algo que ocorre à toda hora, mas às vezes o que parece o negócio perfeito, realmente é. Esta dica está por último porque você terá a sensibilidade — de leituras e experiências acumuladas — para se dar conta disto quando for a hora certa. Quem sabe você não corta caminho aproveitando a oportunidade de ser uma empreendedora de sucesso abrindo uma segunda unidade de uma escola já existente, por exemplo? Sabendo o quanto ela cresce diariamente, se a marca já é consolidada e reconhecida, o quanto seus serviços são um sucesso e tendo acesso aos números e às informações que atestam que ela é um case de sucesso, pode ser a mola que faltava para seu grande impulso profissional.



Compartilhe Google Plus

Sobre Roger de Souza

É dançarino, coreógrafo e blogueiro. Autoditada e estudioso dessa arte, pretende dividir seu conhecimento, pesquisas e informações com todos os amantes do Mundo da Dança. Saiba mais sobre o Autor.