Estresse na Dança - Conheça os 5 alimentos que ajudam a combater


Você sabia que a dieta pode desempenhar um papel no cuidado de sua saúde mental?

 Pesquisas demonstram que os nutrientes da sua comida podem afetar seu humor. O seu corpo não apenas requer uma nutrição adequada para alimentar os músculos, mas também para criar hormônios e neurotransmissores que regulam como nos sentimos.

Esses alimentos que apóiam o humor podem ser facilmente incorporados ao plano de refeições de um dançarino.

Ai vão algumas dicas!

1- Frutas cítricas

Quando estamos sob estresse, nossos corpos queimam a vitamina C, já que produzem hormônios como o cortisol. Isso pode nos deixar com um déficit que compromete o humor e a imunidade. O que ajuda a explicar a conexão entre estresse, doença e até lesões. Frutas cítricas como laranjas, tangerinas e limões são fonte de vitamina C.

Você sabia que ao expor o alimentos ao oxigênio, o calor e a luz degrada a vitamina C. Por isso, o ideal é  cortar ou descascar os alimentos apenas quando você for consumi-los.

2- Sementes de Abóbora

As sementes de abóbora são uma fonte particularmente boa de magnésio, essencial para a condução nervosa, regulando a contração muscular e o humor. A deficiência de magnésio está associada a sintomas de depressão e ansiedade.

As sementes de abóbora também são ricas em triptofano, um aminoácido necessário para produzir o hormônio serotonina, que te faz se sentir bem.

3- Chocolate amargo

O chocolate amargo é uma deliciosa fonte de ferro, magnésio e minerais necessários para apoiar a saúde do cérebro. Muitos  atletas, incluindo dançarinos, costumam ser deficientes dessas fontes..

O cacau também contém cafeína e teobromina, estimulantes importantes.

4- Ovos

Os ovos são uma fonte versátil e econômica de proteínas. Eles também são uma fonte do aminoácido tirosina, necessário para a produção de serotonina.

5- Verduras escuras

Espinafre, couve, acelga e rúcula são apenas algumas das verduras que oferecem uma excelente fonte de fibra e de vitamina B. A fibra é importante para a saúde intestinal, onde é produzida grande parte da nossa serotonina.

Até a próxima!

Fonte: dancemagazine.com

Sobre Roger de Souza

É dançarino, coreógrafo e blogueiro. Autoditada e estudioso dessa arte, pretende dividir seu conhecimento, pesquisas e informações com todos os amantes do Mundo da Dança. Saiba mais sobre o Autor.